Eunice Muñoz

Filho de Eunice Muñoz explica internamento da atriz: "Está com alguma fragilidade na sua saúde, mas está bem"

03 Agosto 2021
Deslize para ler mais
03 Agosto 2021

Foi notícia na passada segunda-feira, 2 de agosto, que Eunice Muñoz estava internada na sequência de um AVC e um Enfarte, pouco depois a neta reagiu e desmentiu as notícias. Lídia Muñoz garantiu que a avó não sofreu nenhum AVC nem enfarte, mas confirmou que esta estava hospitalizada e pediu alguma privacidade.

O filho da atriz, António Muñoz Borges, concedeu uma entrevista à TVI 24 onde contou mais detalhes sobre o internamento de Eunice Muñoz.

Começou por revelar o filho da atriz “O estado de saúde da minha mãe está o melhor possível, dado os seus 93 anos e a sua atividade profissional, que só foi interrompida há poucos dias atrás. E foi interrompida precisamente porque, enfim, houve alguma fragilidade no seu estado de saúde e foi aconselhada pelos seus médicos que parasse e que fossem feitas análises e alguns exames para verificarem tudo o que se passa com ela

A opção foi de não fazer isso em ambulatório, fazer isso internada no Hospital de Santa Cruz, onde a minha mãe vai muito regularmente tratar do seu coração e onde é sempre muito bem acompanhada e recebida e, agora, voltou a fazer este acompanhamento, desta vez, internada no Hospital de Santa Cruz e assim está há alguns dias e assim irá estar para verificar tudo o que há a verificar e para poder voltar a estar em forma e prosseguir a sua digressão” acrescentou ainda.

A minha mãe está bem (…) Está com alguma fragilidade na sua saúde, própria dos seus 93 anos, mas está bem dentro do que é possível e a ser muito bem acompanhada” garantiu António Muñoz Borges.

O filho da atriz revelou que a mãe está ansiosa por poder voltar à digressão mas tudo dependerá do resultado dos exames :“Vamos ver se todos os exames que estão a ser feitos e os que forem necessários fazer permitem-lhe manter a sua energia e a sua saúde para prosseguir esta digressão e sobretudo para se sentir bem”.

Relembramos que a digressão da peça ‘A Margem do Tempo’, de Franz Xaver Kroetz,

Artigo seguinte